Esquadrão Arara completa 50 anos de criação

Desde 1970, Esquadrão cumpre a missão de integrar a Amazônia, transportando diariamente passageiros e cargas para as comunidades e Pelotões de Fronteira da maior floresta tropical do mundo


C-105 Amazonas

O Esquadrão Arara, sediado na Ala 8, em Manaus (AM), completa nesta terça-feira (31), 50 anos de sua criação. Ao longo de sua trajetória, o Primeiro Esquadrão do Nono Grupo de Aviação (1º/9º GAV) foi o principal vetor de integração da Região Norte.

Sua história se confunde com a da própria Força Aérea Brasileira (FAB) na Região Amazônica que, igualmente nesta data, no ano de 1970, ativava a então Base Aérea de Manaus. Operando a lendária aeronave C-115 Buffalo, os pioneiros do Esquadrão levaram desenvolvimento e esperança aos mais distantes rincões.



Logo no início da década de 1970, o (1º/9º GAV) foi responsável pelo suporte logístico ao Exército Brasileiro, transportando diversos insumos para a criação dos Pelotões Especiais de Fronteira. Ainda hoje, é possível encontrar nesses diversos Pelotões a marcante frase que exalta a importância da FAB e do Esquadrão Arara: “da primeira tábua ao último prego, este Pelotão foi transportado nas asas da Força Aérea Brasileira”.


C-115 Buffalo

Juntamente com a Comissão de Aeroportos da Região Amazônica (COMARA), sediada em Belém-PA, o Esquadrão Arara foi responsável pela ampliação da Infraestrutura Aeroportuária da Amazônia Ocidental, graças à capacidade de suas aeronaves operarem em condições adversas.

Atualmente, equipado com a moderna aeronave C-105 Amazonas, o Esquadrão realiza missões de Transporte Aerologístico e Evacuação Aeromédica, além de apoiar o Exército Brasileiro e as comunidades ribeirinhas. Em paralelo, cumpre também as demandas operacionais, tais como: lançamento de Pessoal e Carga, pouso em pistas curtas, capacidade em medidas de Guerra Eletrônica e voo com óculos de visão noturna.


C-105 Amazonas sendo pilotado com o auxílio de óculos de visão noturna  

Orgulho


O Comandante do Esquadrão Arara, Tenente-Coronel Aviador Leonardo Amorim de Oliveira, destacou o orgulho de estar à frente da Unidade Aérea no ano do seu cinquentenário. “Desde 1970, cumprimos o árduo dever de integrar a Amazônia, transportando diariamente passageiros e cargas para as comunidades e Pelotões de Fronteira da maior floresta tropical do mundo. Parabenizo os Araras, de ontem e de hoje, pelos 50 anos de dedicação em prol da Força Aérea Brasileira e do Brasil”, disse.

Fotos: Acervo Esquadrão Arara e Sargento Jonhson/CECOMSAER


Fonte: Ala 8, por Tenente Dantoniele

Edição: Agência Força Aérea, por Aspirante Flávia - Revisão: Major Monteiro

Nenhum comentário:

Postar um comentário

DESTAQUE

Terceira aeronave KC-390 Millennium é incorporada à frota da FAB

Aeronave de matrícula FAB 2855 pousou neste sábado (27/06), na Ala 2, em Anápolis (GO) A Força Aérea Brasileira (FAB) recebeu, neste...