Publicidade

08 junho 2022

Embraer negocia venda do KC-390 com a Índia

Cargueiro brasileiro poderá ser vendido para a Força Aérea da Índia (IAF)


KC-390 atende em apenas uma plataforma várias funções estratégicas - Foto: Sgt Samuel Figueira / Força Aérea Brasileira

Por André Magalhães

A Embraer está em negociação com a Índia para vender à força aérea o KC-390 Millennium. Embora o acordo não tenha sido declarado oficialmente, a Embraer trabalha na promoção do cargueiro brasileiro em diversos mercados ao redor do mundo.

O CEO da Embraer Defesa & Segurança, Jackson Schneider, disse ao Financial Express Online que o KC-390 é "que é o produto certo para a Índia" e que é negociável uma maior participação de conteúdo indiano nos aviões.

A Índia opera com diversos aviões da Embraer, como o EMB-145I usado como plataforma AEW&C da força aérea, assim como alguns jatos executivos Legacy 600, operados como aeronaves de transporte VIP para autoridades.

Caso a negociação da venda do KC-390 seja concluída, a Índia será o terceiro cliente do avião, que já tem pedidos firmes da Hungria e Portugal, com duas e cinco unidades, respectivamente. Os dois países europeus são os primeiros operadores do KC-390 na Otan, a aliança militar ocidental.

A Força Aérea da Índia opera em sua aviação de transporte com aeronaves dos Estados Unidos, incluindo os C-17 e C-130J, da Europa com o C-295 e da Rússia com os Il-76MD e An-32.

A Embraer alega que uma das vantagens do KC-390 é seu o baixo custo operacional aliado a várias funções multiplataforma, como transporte de soldados, paraquedistas e cargas, busca e salvamento, reabasteciemento em voo, entre outras.

FONTE: AERO Magazine

Nenhum comentário:

Postar um comentário