Aviação de Transporte: Lançar, Suprir, Resgatar!

Aviação de Transporte chega aos 89 anos com o emprego de tecnologias que garantem a efetiva integração do país



A história do Correio Aéreo Nacional (CAN) e da Aviação de Transporte começou a ser escrita na manhã do dia 12 de junho de 1931. O setor aeronáutico ainda iniciava seu desenvolvimento quando os Tenentes Casimiro Montenegro Filho e Nélson Freire Lavenère-Wanderley assumiram o desafio de transportar a primeira mala postal do então Correio Aéreo Militar.

A escassez de ferramentas de comunicação, a instabilidade da meteorologia e as limitações de combustível não impediram que o biplano Curtiss Fledgling, matrícula K263, cumprisse a missão entre o Campo dos Afonsos, no Rio de Janeiro, com destino à cidade de São Paulo. Os anos se passaram e a Força Aérea Brasileira (FAB) ampliou sua capacidade de emprego em meios de Transporte Aéreo Logístico para apoiar as atividades operacionais e administrativas das Forças Armadas e da sociedade brasileira como um todo. As novas tecnologias, como a aeronave multimissão KC-390 Millennium, por exemplo, são responsáveis por garantir o fluxo de pessoal, equipamentos e suprimentos, demandado pelos mais diversos setores do país.

KC-390 Millennium na Operação COVID-19


As missões de transporte exigidas pela Operação COVID-19, cumpridas em aproveitamento, têm se mostrado um teste para as capacidades do KC-390 Millennium. Nesses casos, há a participação do Comando de Operações Aeroespaciais (COMAE), no acionamento das missões de Transporte Aéreo Logístico, e do Comando de Preparo (COMPREP), responsável pelo desenvolvimento da doutrina utilizada no preparo operacional dos tripulantes. “Estamos tendo a oportunidade de efetuar o carregamento de diversos tipos de suprimentos, sejam eles viaturas, material logístico ou hospitalar”, acrescenta o Tenente-Coronel Ferraz.

Além disso, conforme completa o Comandante do 1º GTT, as atividades testam a operacionalidade da aeronave multimissão em diversas localidades e regiões do país, o que possibilita empregá-la em diferentes tipos de pistas e condições climáticas. “A aeronave tem demonstrado se adaptar em todos os cenários empregados”, conclui.

Aviação de Transporte no Brasil


Ao todo, são 13 Unidades Aéreas da Aviação de Transporte na Força Aérea Brasileira. Atualmente, a Aviação é equipada com os modelos KC-390 Millennium, C-130 Hércules, C-105 Amazonas, C-99, C-97 Brasília, C-98 Caravan, C-95 Bandeirante, U-100 Phenom e U-55 Learjet. As Unidades estão sediadas em Manaus (AM), Belém (PA), Natal (RN), Rio de Janeiro (RJ), Canoas (RS), Campo Grande (MS), Anápolis (GO) e Brasília (DF).

Foto: Soldado T. Amorim/CECOMSAER
Fonte: Agência Força Aérea, por Joanthan Jayme
Edição: Agência Força Aérea - Revisão: Capitão Oliveira Lima

Nenhum comentário:

Postar um comentário

DESTAQUE

Terceira aeronave KC-390 Millennium é incorporada à frota da FAB

Aeronave de matrícula FAB 2855 pousou neste sábado (27/06), na Ala 2, em Anápolis (GO) A Força Aérea Brasileira (FAB) recebeu, neste...