Valor: Brasil pode ser base em venda de caças Gripen à Colômbia

Novo CEO global da Saab elogia parceria e vê oportunidade para fornecer 15 jatos ao país vizinho


Primeiro Gripen E brasileiro

Em entrevista ao jornal Valor Econômico, o novo CEO da Saab Micael Johansson disse que o Brasil poderá servir como plataforma para montagem final e testes de caças Gripen E/F que eventualmente serão fornecidos à Colômbia, em caso de vitória da Saab na concorrência de caças para o país sul-americano.


A Saab está oferecendo seus caças Gripen monoposto e biposto à Força Aérea Colombiana (FAC) para substituir sua frota de aeronaves de combate Kfir da Israel Aerospace Industries (IAI).

A Saab está oferecendo à Colômbia 12 Gripen E monopostos e 3 Gripen F bipostos.

A Saab concorre com a Lockheed Martin e seu F-16 Block 70 Fighting Falcon e o Eurofighter Typhoon, enquanto a IAI está oferecendo a Kfir Next-Generation (NG) atualizado.


FONTE: Poder Aéreo

Nenhum comentário:

Postar um comentário

DESTAQUE

Embraer entrega primeiro jato E-99 modernizado à FAB

Embraer E-99M Gavião Peixoto – SP, 27 de novembro de 2020 – Em cerimônia realizada nesta sexta-feira na planta da Embraer em Gavião Peixoto...