19 junho 2021

Guarani na Argentina – Termina a primeira fase de testes

Testes de rampa, realizado no Campo de instrução do RI Mec 3, no dia 09 (Imagem: via Gen Jayro Rocha)

Por Paulo Roberto Bastos Jr.*

No dia 25 de maio, o Exército Brasileiro (EB) entregou, por empréstimo, uma viatura blindada de transporte de pessoal – média sobre rodas (VBTP-MSR) 6x6 Guarani para o Exército Argentino (EA) fazer avaliação dentro do programa VCBR (“Vehículo de Combate Blindado a Rueda”).

A Viatura, equipada com SARC REMAX, foi enviada para o Batallón de Arsenales 602 (B Ars 602) “Coronel Ángel Monasterio”, em Boulogne Sur Mer, na região metropolitana de Buenos Aires, os testes duraram do dia 31 maio até 03 de junho, havendo a cerimônia de apresentação oficial da viatura, no dia 04.

Cerimônia de apresentação do Guarani no B Ars 602 (Imagem: EA)

Na noite do dia 05, o Guarani partiu, transportado por um Iveco Stralis 460 NR do EA, com destino ao Regimento de Infantaria Mecanizada 3 (RIMec 3) “General Belgrano”, na cidade de Pigüé, chegando pela manhã do dia 06.


Partida de Boulogne e chegada em Pigüé (Imagens: via Gen Agustin Cejas)

No RI Mec 3 os testes iniciaram no dia 07, com reconhecimento, treinamento de militares, sendo que oito argentinos foram capacitados como atiradores de REMAX por profissionais da empresa Ares Aerospacial e Defesa, e diversos testes de deslocamento, em estrada es trilhas, e superação de obstáculos, no campo de instrução do “Campamento Cura Malal”, da Guarnição de Pigüé e, no dia 10, houve um teste de navegação na Laguna Las Encadenadas, às vistas de alguns pescadores e campistas que se encontravam no local, encerrando essa etapa de testes no dia 11.



Testes no Campo de Instrução do RI Mec 3 (Imagens: via Gen Jayro Rocha e Agustin Cejas)

Na próxima segunda-feira, dia 14, o Guarani será transportado para a Base Naval de Infantería de Marina (BNIM) “Baterías”, em Punta Alta, próximo à cidade de Bahia Blanca, onde iniciará uma nova fase de testes, como os de armamento.

É importante destacar que o Guarani, que pertence ao 5º Regimento de Cavalaria Mecanizado (5º RC Mec), da cidade de Quaraí (RS), possui uma guarnição de quatro militares da OM que são responsáveis pela viatura, somados a um capitão engenheiro da Comissão de Absorção de Conhecimentos e de Transferência de Tecnologia na Iveco (CACTTIV), pertencente à Diretoria de Fabricação (DF) do EB, e técnicos das empresas Iveco e Ares, para prestarem o suporte técnico.



*Sobre o Autor: Paulo Roberto Bastos Jr.
Engenheiro de automação e Pesquisador militar, especialista em blindados e forças motomecanizadas da América Latina e Caribe.

Nota do Defesa Brasil Notícias: Matéria reproduzida com autorização do autor.

Nenhum comentário:

Postar um comentário