12º Grupo de Artilharia Antiaérea de Selva emprega simuladores de mísseis no adestramento da tropa

Simulador do míssil Antiaéreo Telecomandado RBS-70

Manaus (AM) – Em 22 de junho, o 12º Grupo de Artilharia Antiaérea de Selva (12º GAAAe), “Grupo Tenente Juventino da Fonseca”, intensificou os preparativos para a Operação Felipe Camarão II. Durante a operação, que ocorrerá na Base de Instrução Felipe Camarão, BI 06, no município de Rio Preto da Eva (AM), serão realizados disparos do míssil IGLA-S e, pela primeira vez em ambiente de selva, do míssil Antiaéreo Telecomandado RBS-70, recebido recentemente na unidade.

Os desafios apresentados pela selva amazônica, que diferem de outros ambientes operacionais, exigem adestramento e melhoria contínua das guarnições, bem como de toda a equipe de coordenação, logística e de apoio às operações. Faltando menos de 30 dias para a atividade de campo, os militares envolvidos se adestram por meio do simulador de tiro do 12º GAAAe.





FONTE: 12º GAAAe

Nenhum comentário:

Postar um comentário

DESTAQUE

Primeiro caça Gripen da FAB já está a caminho do Brasil

Primeiro Gripen E da Força Aérea Brasileira – Foto: Saab O primeiro caça F-39 Gripen E brasileiro já deixou a Suécia a bordo de um navio mer...