Nota da Marinha do Brasil sobre o navio russo ‘Yantar’

Yantar

A Marinha do Brasil (MB) informa que o Navio de Pesquisa Oceanográfico russo “Yantar” desatracou hoje (21), 18h, do porto do Rio de Janeiro, com destino declarado à Lisboa, Portugal.

A autorização de estadia no Brasil foi solicitada pela Adidância Militar da Rússia, e seguiu os protocolos vigentes para a movimentação de navios de guerra e de Estado estrangeiros nas Águas Jurisdicionais Brasileiras.

Por suas características, o referido navio é acompanhado pela Marinha do Brasil, durante todo o trânsito nas AJB.

Tal procedimento é adotado pela MB para todos os navios de interesse navegando por nossos mares e rios.

O acompanhamento de navios e plataformas em trânsito e operação em nossos mares e rios é atribuição da Marinha do Brasil. As ações desenvolvidas para o cumprimento de tal atribuição estão relacionadas à segurança marítima e são desenvolvidas ininterrupta e diuturnamente, 24 horas por dia, sete dias por semana, com o emprego de lanchas, navios e aeronaves (da própria Marinha e da Força Aérea Brasileira), além de recursos de monitoramento e vigilância eletrônica.

A Marinha do Brasil esclarece, ainda, que, visando ao aperfeiçoamento do monitoramento das AJB, dedica-se ao projeto de ampliação do Sistema Integrado de Gerenciamento da Amazônia Azul – SIsGAAz.

DIVULGAÇÃO: Marinha do Brasil

FONTE: Poder Naval

Nenhum comentário:

Postar um comentário

DESTAQUE

VÍDEO - F-39E Gripen realiza primeiro voo em espaço aéreo brasileiro

A primeira aeronave multimissão F-39E Gripen chegou ao Porto de Navegantes, em Santa Catarina (SC), no domingo, dia 20 de setembro, após ter...