Destaque do mês

Fábrica da IVECO Defence no Brasil recebe importante certificação de eficiência

A fábrica da IVECO Defence Vehicles, em Sete Lagoas (MG), alcançou o nível bronze no programa World Class Manufacturing (WCM), um dos mais ...

CAEx avalia capacidade operacional do fuzil de assalto 7,62mm IA2 com tropa paraquedista

Fuzil de assalto IMBEL 7,62mm IA2

Rio de Janeiro (RJ) – O Centro de Avaliações do Exército (CAEx), "Campo de Provas da Marambaia", realizou, na semana de 25 a 29 novembro, a avaliação operacional do fuzil de assalto 7,62mm IA2. A avaliação incluiu o tiro da granada 40x46 mm, dentro das normas previstas nas Instruções Gerais de Tiro com o Armamento do Exército (IGTAEx).

O teste de avaliação é composto por três etapas: a do tiro de instrução básico; a do tiro de instrução avançado e a do tiro de combate básico. Esse processo busca verificar a efetividade do armamento no seu primeiro disparo a uma distância de até 100 metros.

As atividades foram apoiadas pelo 1° Esquadrão de Cavalaria Paraquedista, que simulou todas as situações de combate possíveis com emprego do material, inclusive durante o salto de aeronave.

Nessa mesma ocasião, foram realizados, também, testes técnicos do fuzil de assalto 7,62mm IA2, que compreenderam o lançamento de granada de bocal e tiro com supressor de ruídos, todos monitorados por uma equipe de engenheiros e técnicos da Indústria de Material Bélico do Brasil (IMBEL).





Tiro com supressor de ruídos



Lançamento de granada de bocal




FONTE: CAEx via Noticiário do Exército

Nenhum comentário:

Postar um comentário