Publicidade

28 setembro 2022

Fábrica da Iveco em Sete Lagoas (MG) apresenta Guarani de número 600


No dia 28 de setembro de 2022, quarta-feira, na fábrica da IDV LATAM (Iveco Defence Vehicles – Latin America) em Sete Lagoas – MG, ocorreu a cerimônia comemorativa referente à fabricação da Viatura Blindada de Transporte de Pessoal Média Sobre Rodas (VBTP-MSR) 6x6 GUARANI de número 600. A festividade contou com a presença de militares da Diretoria de Fabricação (DF) do Exército Brasileiro e de colaboradores da diretoria e gerência da empresa IDV.

Inicialmente, ressalta-se que, dentro do Programa Estratégico do Exército FORÇAS BLINDADAS (Prg EE F Bld), esse projeto surgiu com o objetivo de contribuir para a transformação das Organizações Militares de Infantaria Motorizada em Mecanizada e modernização das Organizações Militares de Cavalaria Mecanizada, substituindo a VBTP EE-11 URUTU.

Diante desse contexto, o desenvolvimento da VBTP GUARANI teve início no ano de 2007, no antigo Escritório de Projetos do Departamento de Ciência e Tecnologia (DCT), no Rio de Janeiro, com a participação ativa dos engenheiros militares da Diretoria de Fabricação (DF), organização militar subordinada ao DCT.

Assim, em meados de 2013, a IVECO inaugurou sua planta voltada à produção de veículos de defesa na cidade de Sete Lagoas – MG. Desde então, são produzidos, anualmente, cerca de 60 (sessenta) viaturas destinadas a dotar diversas organizações militares pelo Brasil.
Ainda, destaca-se o caráter inovador do projeto, que agrega sistemas de armas e de comando e controle (comunicações) de ponta em uma plataforma automotiva militar moderna, compondo a Nova Família de Blindados Sobre Rodas (NFBR), em atual implantação na Força Terrestre.

Dessa forma, o Prg EE F Bld e, em particular, o Projeto GUARANI fortalece a Base Industrial de Defesa (BID) do Brasil, conquistando autonomia em tecnologias estratégicas para o país, contribuindo para a geração de empregos e capacitando civis e militares na pesquisa, desenvolvimento e inovação na área de viaturas militares blindadas.




FONTE: df_exercitooficial

Um comentário: